domingo, 27 de abril de 2008

CAPITULO 10 - Faltam 15 dias (Teoricamente)

Em primeiro lugar, gostaria de agradecer as vossas visitas. Já passámos os 5.000 visitantes e isso é uma maravilha.

Os mimos continuam chegando, recebemos
da Ana Magalhães e do namorado,
da Sandra e do namorado do http://artesdasereira.blogspot.com,
da Claudia Domingues
da Carina Silva http://pedacinhos dearcoiris.blogspot.com
Cada peça, mais linda que a outra, OBRIGADA, são realmente voces que nós alegram a vida e nós fazem acreditar quie vale a pena continuar.
As fotos dos minos já estão postadas.

Bom vamos ao capítulo 10 da nossa historia que, cada vez mais, fica longe de ter um final feliz.

Amigos, mesmo nas situações mais complicadas, resolvi manter a compostura e um estatuto moral elevado, mas esqueci-me que estávamos lidando com a burocracia portuguesa o que nem sempre é fácil.
A Miúda Bonita está bem e o Rapagão também, isto é esperamos que sim, pois a DUAS semanas da data prevista para o Rapagão nascer a Miúda Bonita NUNCA foi vista por um ginecologista ou por um obstetra, já que a médica de família dela ainda não achou necessário.

Em relação à casa, houve um engano, o valor limite até ao qual podemos procurar é de € 350,00, o que, por um lado, facilita bem a nossa procura, mas por outro lado tem inconvenientes, pois a Miúda Bonita continua desempregada, o pai ganha brutos € 680,00 e os subsídios que nós poderíamos ter ainda não avançaram, ou por uma razão ou por outra.

Vamos esta semana falar com a Assistente Social da Segurança Social, pois da última vez que falámos a informação que retivemos é que:

a) A Segurança Social pode subsidiar a renda até ao valor dos tais € 350,00 aproximadamente, mas não sabem por quanto tempo, e a Câmara de Odivelas, não sabe quando terá um fogo habitacional para atribuir para esta família. Assim sendo, a Miúda Bonita aluga uma casa, e imediatamente a Câmara destrói a barraca onde ela vive, para não ser ocupada.

b) A Segurança Social, paga a renda durante XX meses, o que segundo percebemos é um tempo limitado, e depois quando deixar de ter o subsidio, pára de pagar. A Câmara não se compromete a dar um prazo para a entrega do fogo habitacional, e vamos e venhamos, como já existe um processo há 14 anos, se a partir de agora for demorar o mesmo período de tempo então o Rapagão já estará terminando o liceu.

Em conclusão:
A Segurança Social subsidia uma casa por tempo limitado, a Câmara deve atribuir um fogo habitacional, mas sem compromisso de tempo. Se houver um interregno entre a entrega do fogo e o fim do subsidio a responsabilidade é da Miúda Bonita, que neste momento esta desempregada, e que na altura em que isso ocorrer vai ter um filho supostamente pequeno para criar, e que se agora deixou de pagar 258€ de faculdade pois não tinha dinheiro, vai assumir um compromisso ad eternum de aluguer ao qual se somam as despesas de água e luz (que, neste momento, ora tem, ora não tem, mas que tem custo zero). Isto para além de todas as taxas e despesas que uma casa implica.

Vamos todos rezar para o Rapagão não resolver nascer nesta semana de ponte, pois se assim for, não há nada planeado, resolvido nem mesmo alinhavado....

Obrigado por estarem ajudando.

Bem hajam.

Pode ler ainda:

6 comentários:

Elisa Albuquerque disse...

Que p****** de vida esta heim....
Moramos num País vergonhoso é o que é.. Há tanta gente a viver do rendimento minimo qdo nem sequer precisam... olha aqui ela já teria recebido uma casa... nos Açores quase todos tem uma casa nova ... até da pra salgar o peixe na banheira... poh valha-me Deus!!! Aonde paira a justiça do mundo????
Lamento amiga não poder fazer mais...mas quando tiver mais perto... posso tentar de alguma forma ajudar...espero q esteja tudo bem com ambos e que ele nasça só na data prevista... e o pai da criançinha já deu sinal de vida?

bjinhos enormes

Luísa disse...

Olá meninas, ainda bem que gostaram dos nossos miminhos, não são muitos, mas são de coração :)

Quanto ao que contas neste post fico muito triste por saber que por causa da burocracia não se consegue resolver nada, principalmente para quem REALMENTE precisa...só espero que corra tudo pelo melhor e rápido...

Miuda bonita espero que tenhas uma hora muito, muito, muito pequenina...e já que o rapagão é que sabe quando deve nascer, espero que ele ajude a mamã e escolha a hora certa :)

bjitos

Ana Magalhães

Nuno disse...

O Governo devia ajudar, a menina Bonita por um ano ou dois, apostar nela, ajudava-a a arranjar uma casa decente, ajudava na questão das propinas, porque ela tendo o curso na mão, ficava mais fácil arranjar um emprego, na área da psicologia, ou não...Mas estamos num País em que as coisas estão a passo de caracol! Este País só se preocupa em construir pontes, para alimentar o "lobby" das obras públicas, como disse o Miguel Sousa Tavares. Beijos e boa sorte para a tua causa! E que esteja tudo bem com o bebé.

Girafa cor de rosa disse...

Espero profundamente que tudo corra pelo melhor...beijinhos e muita força.

São disse...

Portugal continua igual mesmo!!
Boa sorte!
Bem hajam!

MadaLena disse...

olá,

Só hoje descobri este blog...

quero ajudar. Ainda sou muito nova mas tenho de fazer alguma coisa.
Vou tentar ajudar com algum dinheiro(não tenho muito mas pelo menos 5euros qq um pode dar)...

quanto ao resto é mais dificil para mim, mas gostaria de saber para que morada devo enviar as coisas(se conseguir arranjar alguma coisa...) e se há algum contacto que me possa dar da miuda bonita...
Espero pelas informaçoes no mail lenaa147@gmail.com

Boa Sorte