quarta-feira, 16 de abril de 2008

CAPITULO 9 - Estamos procurando casa :(

Recebemos a visita das duas Assistentes Sociais, a da Segurança Social e a da Câmara, a Drª I,. Pode dizer-se que realmente o nosso pais é burocrático, lento e impessoal, mas as técnicas e o pessoal que está no terreno é bem diferente. Não podem fazer mais do que aquilo que têm possibilidade de fazer, mas são pessoas, de carne e osso, importam-se com o dia a dia de quem realmente precisa. Ficámos todos cheios de esperanças que seja desta que a situação se componha...

A sugestão foi que procurássemos uma casa até aproximadamente 120 ou 130 euros de renda, visto ninguém querer que o irmão vá para uma instituição (o miúdo é isso mesmo, um miúdo) e seria um crime tirá-lo do seio da família.

Já demos umas voltinhas por Odivelas, mas daquilo que encontrámos as rendas eram BEMMMMM mais caras do que o valor sugerido.

Esta semana estive enviando email, para a Embaixada de Cabo Verde e para alguns industriais de lá ou de cá e lá.

Realmente estamos cheios de esperança. A Miúda Bonita vai tratar dos papéis que as Assistentes Sociais pediram e vamos ver como fica.

A verdade é que este problema da casa já se vem arrastando desde 1993, a Miúda Bonita nem sonhava vir para cá. O Pai, o Sr. F., trabalhava como pedreiro por empreitadas e ora estava cá ora estava na Guarda ou em Faro, o irmão da Miúda Bonita ficava em casa, pois na altura o tio morava na porta ao lado...

Vi as análises do pai da Miúda Bonita, ele tem Hepatite B, há momentos em que os medicamentos funcionam na perfeição e ele não tem sintomas nenhuns, mas há outros em que o senhor passa bem mal, tem dores de cabeça e dores nas articulações, além de ficar nauseado e fatigado. Quando eu cheguei para esperar as Assistentes Sociais, o Srº F. estava limpando o terreno, tirando o mato em volta da casa, pois mesmo sendo passagem NINGUÉM faz nada. Pelo que soube, a Junta de Freguesia às vezes limpava perto dos contentores de lixo, mas, pela altura do mato deve fazer algum tempo que não passam por lá.

Agora vamos esperar a Miúda Bonita ter toda a documentação que foi solicitada pelas duas Assistentes Sociais, depois disso elas farão um relatório para os superiores e só então vamos ter alguma noticia mais fresquinha.

Obrigado por estarem ajudando.

Bem hajam.

6 comentários:

Nuno disse...

Boa sorte! O ideal era que aparecesse um grande benfeitor que a ajudasse. Não era preciso que fosse um Magnata como Belmiro de Azevedo, mas alguém que tivesse meios para mandar fazer umas obras na casa dela ou então algum empreiteiro, que construísse prédios e que lhe alugasse um apartamento por 120 euros p mês. Quanto ao Pai....parece que atrás de uns problemas vêm outros problemas! Essa família tem pouca sorte! Espero que a gravidez corra bem até ao fim! Desejo-vos boa sorte para a resolução dos restantes problemas. beijos

claudia disse...

Realmente uma desgraça nunca vem só...estive a ler o coment do "nuno" e realmente ele deu uma boa sugestão..será que não há por aí algum pedreiro que se dispussese a fazer as obras na casa dela??Ou de graça, ou por um valor muito pequeno...que acham?

AJUDA PORTUGAL disse...

Meus amigos.
Era óptimo se alguém fizesse alguma coisa, não acho que as obras resolvam o caso, a casa é minúscula e esta rodeada de outras casas o que impede qualquer alargamento. O terreno é íngreme e a água corre por dentro de casa, mas antes corre pela casa do vizinho.

O telhado é o mesmo de algumas casas, e substituir não deve ser uma tarefa simples...

O ideal era uma casinha, a habitação social seria o indicado, não estamos encontrando nada dentro das verbas indicadas...

Um bj para voces

Ajuda Portugal

Moquinhas disse...

Olá queridas...sei que vai ser dificil encontrarem uma casa ai por esse valor...mas pode ser que vos apareça uma boa alma...a esperança é a ultima a morrer queridas!!
Beijoquinhas e boa semaninha cheia de esperança...e muitos sorrisos!!:))

Miaua disse...

Boa tarde,

Tenho andado a pesquisar casas para arrendar e realmente não acredito que existam por esse valor. O mais barato que encontrei foi um T0, ou seja, nem um quarto tem, por 250,00 €... Não será possível a revisão desse valor tendo em conta o preço do metro quadrado em Odivelas? É que por 120,00 € nem um quarto se consegue alugar :(

Espero que se encontre uma solução rapidamente porque o Rapagão está quase a nascer!

Beijinhos,

Miaua

mary90 disse...

Boa noite, Ajuda Portugal.
Já vi as novidades!
Como sabe estou ajudando como posso, mas estou um pouco desiludida por ver que os cibernautas que são tantos não estão a responder á chamada e a serem solidários, mas tenho a certeza que em breve vão aparecer muitas ajudas.
Quero louvar a ajuda e a divulgação da causa da minha amiga Bitu do blog Alentejo Bem hajas.
Eu vi a causa de perto, amigos e visitantes se puderem ajudem.
Vou continuar a divulgar esta causa.
Beijocas.